O sistema Millennium BM opera com dois códigos de barras ao mesmo tempo. 


O primeiro, que chamaremos de Interno, é formado pela sequência dos códigos: produto

+ cor + estampa + tamanho.


O segundo é o código EAN formado pelos códigos: País + Empresa + seqüência

numérica dos produtos + um dígito verificador.


Para gerar o código de barras dos produtos, é necessário que os códigos que o

componham tenham sido criados anteriormente ou o sistema emitirá mensagens de erro e

não permitirá a geração dos códigos.


Entre no item PRODUTOS e SERVIÇOS, clique no sinal de adição (+) da pasta

Cadastros e escolha a opção Código de Barras.


Na Figura T08 – Item 1 visualizamos um produto que irá receber código de barras. A

grade mostra todos os tamanhos e cores do produto e cada um receberá seu respectivo

código.


Por enquanto vamos deixar de lado os campos Fornecedor e Cliente. Falaremos sobre

eles mais adiante.


Clique na seta do campo Tipo e selecione em qual cadastro está o item que irá receber o

código: Produto Acabado ou Matéria-Prima.



Em seguida digite o código do produto ou utilize a lupa para realizar uma busca no

arquivo e clique no item para selecioná-lo.


O sistema apresenta uma grade com todos os tamanhos e cores.


Dê um clique no link Gerar Códigos para visualizar a tela da Figura T09a – Item 1 e

preencha com os dados adicionais.



Na Figura T09b – Item 1 podemos observar o resultado do processo.



O sistema cria os códigos seqüenciais que irão compor o código de barras.

Clique em Efetivar e em seguida imprima o Relatório 131 para ver os códigos de barra

que foram gerados para os novos produtos.


Se a empresa decidir gerar um código de barras para cada cliente ou fornecedor do

produto, basta selecioná-los nos campos respectivos e proceder normalmente com a geração

do código.